Representação envolve prefeito de Bragança em improbidade administrativa

03/03/2016

Reportagem de

A representação criminal envolve o prefeito municipal de Bragança Nelson Magalhães, o ex-secretário e a atual secretária da pasta de educação do município, Robson Feitosa e Conceição de Maria, em envolvimento de processos irregulares na gestão entre os anos de 2014 a 2015.
De autoria de Pedro Viana, ex-servidor que coordenava a distribuição de merenda escolar, a representação aponta uma séria de irregularidades envolvendo o atual gestor secretários.
Entre elas, desvio de verbas da quota de salário-educação,
desvio de verba do Fundeb para aquisição de livros infantis, que segundo Pedro Viana, nunca foram entregues,
pagamento de empresas, em valor de mais de um milhão de reais em 2015 para locação de caminhão para transporte de merenda escolar, pagos com recursos do Fundeb e pagamento excessivo a empresa de manutenção de aparelhos de refrigeração e bombas d’água em quase 600 mil reais.
Notas fiscais e outros documentos comprobatórios estão anexados a representação criminal, que foi motivo de discussão em sessão legislativa ocorrida na manhã desta quinta-feira, 03, na Câmara dos Vereadores de Bragança.

 

 

Please reload

Em Destaque

Matéria reúne participação de legisladores da base aliada ao governo de Bragança

25/10/2019

1/10
Please reload

Recentes