MP afirma que há suspeita de fraudes em licitações da prefeitura de Bragança

20/07/2016

Reportagem de

 

Hoje de manhã os bragantinos amanheceram com sentimento de justiça e apoiam o trabalho do Ministério Público do Estado que investiga a prefeitura de Bragança com suspeita de fraudes em licitações.

 

Foi com base em denúncias e suspeitas que o Ministério Público do Estado deflagrou na manhã desta terça-feira, 19, a operação “Licitatione: Vela e Prego”, que investiga supostas fraudes em licitações realizadas pela prefeitura de Bragança.

 

Vt de entrevista com Daniel Barros, promotor de Justiça do Ministério Público do Estado.

A operação que foi comandada pelo Promotor de Justiça Daniel Barros, e Grupo de Operações Especiais de Combate ao Crime Organizado (GAECO) interditaram o prédio da prefeitura, aonde funciona a secretaria de Finanças, e as secretarias de Saúde e Educação para coletar documentos e mídias para serem investigado.

 

Uma nota de esclarecimento foi emitida pela prefeitura em nome do prefeito Nelson Magalhães. Nela o gestor se manifesta favorável aos trabalhos executados pelo Ministério Público e afirma que irregularidades não serão encontradas na investigação.

 

A operação "Licitatione: Vela e Prego" tem inspiração em um antigo método de fazer licitações.

 

Veja na íntegra a nota de esclarecimento da prefeitura:

 

 

Please reload

Em Destaque

Matéria reúne participação de legisladores da base aliada ao governo de Bragança

25/10/2019

1/10
Please reload

Recentes