Ponte sobre o rio Arimbú quebra e moradores ficam “ilhados” na comunidade

20/07/2016

Reportagem de

 

Segundo informações de moradores a estrutura da ponte já estava em partes comprometida, mas a situação piorou com a passagem de um ônibus pela ponte no último domingo, 17.

 

O veículo transportava jogadores com destino à Vila do Treme, momento em que teria tombado por causa da fragilidade em que se encontravam as madeiras da ponte.

 

Após o fato, o acesso ficou intrafegável, prejudicando diretamente os moradores da localidade.

 

Ainda na manifestação, alguns moradores acabaram por quebrar os restos do que havia sobrado da ponte.

 

Sem acesso para os veículos, a maioria dos populares está sem vir a Bragança desde o domingo. Quem quer chegar ao outro lado, se arrisca ao passar pelas madeiras quebradas, ou se molha passando pelo rio.

 

Seu Estélio é motorista do ônibus que transporta os moradores até Bragança, desde que a ponte quebrou o veículo ele e o cobrador estão parados.

 

A comunidade do Arimbú fica há 36 quilômetros do município de Bragança. Sem trafegabilidade, os moradores estão praticamente ilhados, o que todos eles querem? Uma solução imediata para o problema, uma reposta, um posicionamento, uma ação capaz de devolver o acesso das pessoas à vila.

Please reload

Em Destaque

Matéria reúne participação de legisladores da base aliada ao governo de Bragança

25/10/2019

1/10
Please reload

Recentes