Aumento no preço da farinha, produto indispensável na mesa dos paraenses, assusta consumidor

12/01/2017

Reportagem de

 

Seja no grito ou nas palmas o que seu João quer mesmo é chamar a atenção dos clientes.

 

O Vendedor de farinha há 40 anos sabe que precisa atrair a atenção de qualquer forma, já que os preços não ajudam. É que alimento quase que indispensável na mesa dos paraenses está cada vez mais caro e espantando a clientela. A farinha por aqui chega a custar R$ 7,00.

 

Com a pouca movimentação e alta no preço da farinha os comerciantes acabam que fechando as portas um pouco mais cedo.

 

De acordo com o Dieese, o preço da farinha voltou a subir em 2016 com alta de 63% muito acima da inflação de 6,47%. Segundo o departamento, a causa do aumento do preço da farinha e de outros produtos básicos da mesa do paraense está ligada à uma série de fatores estruturas dentro da cadeia produtiva até a comercialização.


O que antes era vendido de vento e poupa, agora dizem que é comida de rico.

 

O certo mesmo é que quando se trata de farinha, seja rico ou pobre, o preço é o que menos importa. 

Please reload

Em Destaque

Matéria reúne participação de legisladores da base aliada ao governo de Bragança

25/10/2019

1/10
Please reload

Recentes