Coletiva aborda pauta de combate nacional contra exploração sexual de crianças e adolescentes

15/05/2017

Reportagem de

 

A Coletiva aconteceu no prédio da fundação educadora de comunicação, na manhã desta segunda-feira, 15. Entre os entrevistados, o bispo diocesano de Bragança, dom Jesus Maria. O assunto em pauta é a mobilização nacional contra o abuso sexual de crianças e adolescentes que ocorrerá em Bragança através de uma pedalada e caminhada.

 

Dom Jesus contextualizou o trabalho da igreja no combate, e relatou casos que ocorreram dentro da própria instituições.

 

No ato também estiveram presentes, o coordenador das Ações Estratégicas do Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (AEPETI), Hugo Costa, e a coordenadora do Centro de Referência Especializado de Assistência Social – CREAS, Rosângela Pinto.

 

Embora há número alarmantes de casos de exploração sexual envolvendo crianças e adolescentes, o município não dispõe de números oficiais. Segundo Rosângela Pinto, porque a rede de atendimento é enfraquecida.

 

Diante das mobilização, escolas públicas municipais também farão parte dos públicos nas manifestações, é o que afirma Hugo Costa.

 

A maior parte dos casos envolvendo o abuso sexual de crianças e adolescentes acontece dentro de casa, o que dificulta o trabalho da polícia.

 

Rosa Quemel, conselheira tutelar, também participou da coletiva. Segundo ela, parte dos registros de casos ocorrem dentro de sala de aula, quando professores observam mudança de comportamentos das jovens.

 

As manifestações ocorrerão durante dois dias, 17 com a pedalada, e 18, dia oficial da campanha, com uma grande caminhada.

Please reload

Em Destaque

Matéria reúne participação de legisladores da base aliada ao governo de Bragança

25/10/2019

1/10
Please reload

Recentes