Bragança celebra a Marujada de São Benedito

27/12/2017

Reportagem de

 

A beleza está nas danças, na música. Mas é no traje das mulheres que o encanto é maior. Fitas deslizam no corpo e o colorido é destaque em vermelho e branco. Este movimento todo é a Marujada de São Benedito em Bragança, nordeste do Pará.


Entre os experientes a geração dos mais novos conquista o lugar no Teatro Museu da Marujada, em dias de Festividade do Santo Preto. Mas tudo deve ser bem administrado para a tradição permanecer intacta, ao olhar da capitoa.

Paralelo as danças, no São Beneditino, as centenas de doações de fieis devotos são leiloadas. O arremate quase sempre é por valores bastante generosos.


A festa que se iniciou pelos escravos já tem 219 anos de tradição e é considerada uma das mais expressivas manifestações culturais e religiosas do norte do Brasil.


Iniciada no dia 18 encerra sempre no dia 26 de dezembro, dia de São Benedito em Bragança, com a grande procissão. A expectativa, segundo a coordenação, é que mais de 100 mil pessoas visitem o município.
 

Please reload

Em Destaque

Matéria reúne participação de legisladores da base aliada ao governo de Bragança

25/10/2019

1/10
Please reload

Recentes