Demorou, mas ruas de Bragança começam a ser enfeitadas para a Copa

11/06/2018

Reportagem de

 

A iniciativa partiu de três mulheres. Ediana Guedes, Suane Pinheiro e mais outra amiga entenderam que a rua precisava do verde e amarelo.

 

Determinadas a fazer alguma coisa para deixar a rua com cara de copa do mundo, as três começaram a pedir ajuda. O valor da contribuição era de R$ 30,00.

 

Aos poucos a passagem Santa Rosa, no bairro da Vila Nova, ficou de cara nova.

 

Com uma ajuda aqui outra ali, além de desembolsar uma graninha extra, o trio feminino investiu para enfeites mais de R$ 500,00.

 

Mais de 15 famílias contribuíram e o recurso garantiu as bandeirinhas, os fios, as cordas e a tinta para a pintura. E na hora de colocar a mão na massa, o trio conquistou mais adeptos, no caso, ajuda masculina.

 

A atual situação política e econômica do País tem desmotivado os torcedores canarinhos. Independente disso, Ediana acredita que enfeitando ou não a rua a crise vai continuar do mesmo jeito, por isso partiu para deixar a rua enfeitada.

Please reload

Em Destaque

Matéria reúne participação de legisladores da base aliada ao governo de Bragança

25/10/2019

1/10
Please reload

Recentes