Classificados para o Mundial em Roma, atletas precisam de apoio para seguirem

22/08/2018

Reportagem de

 

O esporte entrou na vida de Kelson e Júnior como um hobby, uma atividade esportiva que era praticada apenas como um passatempo, mas aos poucos o KickBox foi ganhando mais espaço na vida dos dois e foi virando uma paixão, paixão esta que a cada dia fica ganha mais força; hoje os dois atletas  já estão nos níveis de profissionais e por todo esforço e dedicação é que foram parar mais uma vez em um campeonato Mundial.

 

Kelson Barbosa está na disputa desde 2016, quando naquele ano ficou na segunda colocação e garantiu vaga para o ano seguinte, desde então sua passagem pelo Mundial tem rendido classificações diretas. Este ano a novidade é Carlos Júnior, atleta da modalidade há quatro anos; pela primeira vez vai encarar um Mundial; mas para os dois atletas chegarem à  Roma muita coisa ainda precisa acontecer.

 

Kelson, Carlos Júnior e  Gilvan Sagat, representantes do CETAN no Mundial, estão precisando de apoio para arcarem com a logística e os gastos que deverão ter em todo o trajeto até  campeonato, através da reportagem gravada na tarde desta terça-feira, os atletas chamam a atenção de empresários e do poder público para que possam conseguir parceiros, que junto deles possam fazer parte desta jornada.

Please reload

Em Destaque

Matéria reúne participação de legisladores da base aliada ao governo de Bragança

25/10/2019

1/10
Please reload

Recentes