Cabeça de DJ é encontrada após prisão de assassino confesso

06/11/2018

Reportagem de

 

A policia Civil de Bragança conseguiu chegar ao principal suspeito da morte do DJ Anderson Silva do Carmo, de 28 anos, morto no mês de setembro.

 

Anderson foi assassinado cruelmente e teve a cabeça decepada e o corpo foi enterrado em uma região de mata do km 17, da rodovia PA 112.

 

No dia 18 de setembro, o corpo de Anderson foi encontrado em uma cova. Desde então, a cabeça era um mistério pra Polícia.

 

E depois de intensa investigação as delegadas do caso Mara Rosa e Emanuele Cristina chegaram a um dos suspeitos, Josimar Ferreira da Silva, de 29 anos.

 

Ao assumir o crime, Josimar revelou aonde estaria a cabeça do DJ. Bem ao lado da cova aonde estava o corpo. Com a ajuda dele, investigadores e perícia criminal foram ao local, e encontraram a cabeça.

 

Qual seria o motivo do crime? Para a delegada Mara Rosa o assassino confesso disse que devia R$ 500,00 a vítima.

 

Agora as investigações miram em mais dois suspeitos que estão foragidos.

 

Além de trabalhar como DJ, Anderson Silva do Carmo também exercia a função de mototaxista.

Please reload

Em Destaque

Matéria reúne participação de legisladores da base aliada ao governo de Bragança

25/10/2019

1/10
Please reload

Recentes