Residencial João Alves da Mota tem duas tentativas de homicídio na mesma noite

23/01/2019

Reportagem de

 

A onda de violência atingiu o bairro da vila Sinhá na noite desta terça-feira, 22, dentro do residencial João Alves da Mota.

Foram registrados na Unidade de Polícias de Bragança duas tentativas de homicídio.

 

Entre as vítimas, um que já tem passagem pela Polícia. Pelo menos três disparos foram ouvidos contra Wallace, por volta de 9h da noite, enquanto caminhava perto de sua residência. Algumas balas ainda atingiram o muro de uma das casas do conjunto.

 

Antes de ser levado para o hospital, ainda foi conduzido para a Delegacia sob suspeita de participação no assalto do hospital Geral de Bragança. Wallace é primo do adolescente que foi apresentado na segunda-feira. A polícia descartou sua participação no assalto e foi liberado para o hospital.

 

A segunda vítima é conhecida por Willam, é morador do bairro do Cereja, e foi alvejado por no mínimo 4 disparos, por volta de 12h da noite. Ele conseguiu escapar dos bandidos e se escondeu na cozinha desta residência do conjunto.

 

Foram duas tentativas de homicídio, na mesma noite e no mesmo conjunto. Os moradores estão assustados com a onda de criminalidade. Até para fornecer informações a reportagem, os moradores evitam se expor.

 

Mesmo diante da violência, este morador que preferiu não se identificar, afirmou que vive tranquilo no conjunto.

 

Até o momento, a Policia não tem pistas dos criminosos. E as vítimas ainda estão hospitalizadas.

Please reload

Em Destaque

Matéria reúne participação de legisladores da base aliada ao governo de Bragança

25/10/2019

1/10
Please reload

Recentes